quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Confira 7 unidades de tempo que já foram utilizadas ao longo da História

 
um instante, daqui a pouco, em um piscar de olhos, já já, um momento, há pouco etc. Todas essas expressões servem para transmitir a ideia de tempo, embora sua interpretação seja pra lá de subjetiva e não exista nada mais preciso do que usar unidades como horas, minutos e segundos.

Contudo, segundo uma fascinante matéria de Paul Anthony Jones para o site mental_floss, algumas dessas expressões já chegaram a ter significados bem precisos — como é o caso do “só um momento”, por exemplo.
Conforme explicou, essa frase costumava ser usada na Idade Média e se referia a exatamente 90 segundos ou o mesmo que 1/40 de hora, 1/10 de ponto (onde “ponto” significava 15 minutos) ou, resumidamente, um minuto e meio. Curioso, não é mesmo? Então, confira a seguir outras unidades de tempo interessantes e que você talvez desconheça:

1 – Ponto

Bem, como acabamos de mencionar acima, o “Ponto” — também chamado dePunct ou Prick — era usado durante a Idade Média com o significado de exatamente um quarto de hora.

2 – Ghurry

Durante a Idade Média, na falta de relógios superprecisos como os de hoje em dia, as pessoas lançavam mão de todo tipo de engenhoca para marcar a passagem do tempo. Segundo Paul, os indianos inventaram um relógio de água chamado “Ghurry”, que consistia em uma vasilha de metal ou madeira contando com várias perfurações que era colocada no interior de uma bacia com água.
Conforme a água ia passando pelo furos da vasilha, esse objeto ia afundando pouco a pouco até chegar ao fundo da bacia. Esse processo costumava ocorrer em um intervalo de 24 minutos, e as pessoas chegaram a considerar que um dia inteiro era composto por 60 ghurries.

3 – Átomo

Como você sabe, a palavra “átomo” — oriunda do grego atomos ou “indivisível” — é usada na química para descrever uma unidade básica da matéria composta por um núcleo de carga elétrica positiva rodeado por elétrons de carga negativa. Assim, basicamente, um “átomo” é algo bem pequenino, não é mesmo?
Pois essa palavra era empregada antigamente na Inglaterra para determinar a menor quantidade de tempo possível que se podia medir. Na época, considerava-se que cada minuto contava com 376 átomos, o que significa que cada átomo era equivalente a 0, 15957 segundo, ou seja, 1/6 de segundo.

4 – Lustre

Não, não estamos nos referindo a luminárias mirabolantes, mas uma unidade de tempo utilizada pelos antigos romanos e que era equivalente a cinco dias. Sua origem vem do lustrum, ou seja, um período de cinco anos ao final do qual as autoridades romanas realizam um censo da população.
Depois que concluir a contagem, uma enorme celebração ocorria pelas ruas de Roma, e ela era concluída com um sacrifício de purificação chamado lustratiorealizado para “lavar a alma” de todos os integrantes do império.

5 – Nycthemeron

A palavra acima — derivada dos vocábulos gregos “nyks” e “hemera”, que significam “noite” e “dia”, respectivamente — era usada para descrever um período de 24 horas consecutivas. Assim, nycthemeron só é uma forma mais requintada de falarmos de algo que durou um dia inteiro.

6 – Mileway

O vocábulo “mileway” é formado pelos fragmentos mile e way que, em inglês, significam — em tradução livre — milha caminho, respectivamente. E, apesar de termos a impressão de que essa palavra se refere a uma distância específica, na Idade Média ela era usada para descrever um período de aproximadamente 20 minutos, ou seja, o intervalo de tempo necessário para se percorrer uma milha a pé.

7 – Quadrante

Enquanto o “Ponto” — que descrevemos no primeiro item desta lista — era utilizado para descrever períodos de um quarto de hora, o “Quadrante” representava um quarto de dia, ou seja, um período de exatamente seis horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

EstampsCamisetas