quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Rinoceronte negro ocidental é declarado extinto


Ambientalistas dizem que tráfico de chifres também está causando o desaparecimento de outras espécies de rinoceronte
iG São Paulo 10/11/2011 16:06


O rinoceronte negro ocidental (Diceros bicornis longipes), subespécie que tinha como habitat Camarões na África ocidental, foi declarado extinto oficialmente. A notícia foi dada na atualização da Lista Vermelha da União Internacional de Conservação da Natureza (IUCN, da sigla em inglês), que cataloga e classifica as espécies em risco de extinção. De acordo com a organização, apesar dos esforços dos programas de conservação 25% das espécies de mamíferos correm risco de extinção.

As subespécies de rinoceronte branco na África Central (Ceratotherium simum cottoni) foi classificada como possivelmente extinta na natureza. O rinoceronte javanês (Rhinoceros sondaicus) também está quase desaparecendo, as subespécies Rhinoceros sondaicus annamiticus, rinoceronte javanês que habitava o Vietnã, está provavelmente extinta, desde que o último animal que se tinha conhecimento foi caçado no Vietnã, em 2010. A espécie de rinoceronte javanês só não foi declarada extinta, pois ainda existe uma pequena população em declínio desta espécie em Java.


Em comunicado, a (IUCN), afirma que a falta de apoio político para os esforços de conservação nos habitats de muitos rinocerontes, grupos organizados de caça para a venda dos chifres destes animais colocaram os rinocerontes sob ameaça de extinção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

EstampsCamisetas